Por: Rafaela Lima e Daniela De Filippo

Nos últimos anos o INOT tem participado de várias atividades, visando a conservação socioambiental da Serra do Cipó e também a melhoria na sua gestão organizacional, buscando o profissionalismo para melhor atingir os seus objetivos.
Em 2014, as ações do INOT se voltaram para a Serra do Cipó e desde então, vem contribuindo com a gestão pública local, o que foi fundamental para o seu ingresso no Conselho Municipal de Defesa e Conservação ao Meio Ambiente (CODEMA) e no Conselho Municipal de Turismo (CONTUR), ambos no município Santana do Riacho. Neste mesmo período o INOT iniciou a sua participação no Fórum de Desenvolvimento Regional da Serra do Cipó (espaço de articulação entre os 3 setores da sociedade) e, em 2015 tornou-se conselheiro no Subcomitê de Bacia do Rio Cipó.
Nestes espaços o INOT pôde acompanhar e contribuir tecnicamente com o Plano Municipal de Saneamento Básico de Santana do Riacho e vêm acompanhando o Zoneamento Municipal, etapa fundamental do Plano Diretor deste município.
Por iniciativa do INOT e participação das instituições: Associação Comunitária João Nogueira Duarte, Prefeitura de Santana do Riacho, Escola Estadual Dona Francisca Josina, Parque Nacional da Serra do Cipó, FIOCRUZ e CEFET foi criado o Grupo de Trabalho de Revitalização do Ribeirão Soberbo. Através deste grupo o INOT busca recursos para revitalizar o ribeirão Soberbo, acompanha e colabora tecnicamente com as questões relacionadas ao esgotamento sanitário do distrito Serra do Cipó, incluindo a discussão com a COPASA nas alternativas possíveis.
Este ano (2015), o INOT está também participando da ‘Comissão da Verdade e Reconciliação na Serra da Canastra’, representando o terceiro setor, uma iniciativa da Justiça Federal da Primeira Região. Esta comissão foi criada para averiguar as possíveis violações de direitos humanos quando da criação do Parque Nacional da Serra da Canastra.
Em relação à estruturação institucional, desde 2011, o INOT participa da Parceria com Organizações Sociais (POS) da Fundação Dom Cabral. Esta parceria objetiva a profissionalização na gestão de organizações sociais. Sob a orientação dos excelentes profissionais da POS, o INOT desenvolveu o seu Planejamento Estratégico, o seu Modelo Organizacional e o seu Plano de Mobilização de Recursos. O INOT é também um associado à Fundamig (Federação Mineira de Fundações e Associações de Direito Privado), instituição que congrega o terceiro setor em Minas Gerais. Com estas parcerias o INOT busca a excelência na gestão organizacional para que seus resultados na conservação socioambientais na Cordilheira do Espinhaço sejam possíveis e realizados com qualidade.

Novo site do INOT será colaborativo
Feito em parceria com a Plus, pelo técnico Diogo Alves, o novo site marca uma nova fase do INOT. A Organização amadureceu em suas decisões e ações e o novo site veio da necessidade em atender as novas demandas do Instituto.
Estamos recebendo artigos e fotografias que sejam relacionadas às questões socioambientais da Cordilheira do Espinhaço. O material enviado passará por avaliação do Conselho antes de ser publicado e sua publicação será realizada atendendo as normas de autoria.
Colabore! Faça parte do INOT!